Dica de Inglês – “Dar com a língua nos dentes”

“DAR COM A LÍNGUA NOS DENTES” – Quem nunca?

Hoje um aluno me perguntou como dizer “dar com a língua nos dentes” em inglês. Para minha surpresa, duas pessoas na turma não sabiam o que tal expressão significa em português. Então, vamos por partes.

Quando dizemos que alguém “deu com a língua nos dentes” em português, queremos dizer que essa pessoa falou algo que deveria ser mantido em segredo, ou seja, algo que não deveria ter sido revelado. Há algumas formas de dizermos isso em inglês. Vejamos as mais usadas:

 

SPILL THE BEANS

[revelar um segredo; deixar escapar um segredo; “dar com a língua nos dentes”]

“Don’t tell Ann that Mark is having na affair – she might spill the beans, you know”, said Tyler to a friend.

“Não conte a Ann que Mark está tendo um caso – ela pode dar com a língua nos dentes, você sabe”, disse Tyler a um amigo.

 

Existe outro Idiom que pode ser usado para dizermos a mesma coisa:

 

LET THE CAT OUT OF THE BAG

[revelar segredo; deixar escapar segredo]

Roger has never been good at keeping secrets. He always lets the cat out of the bag.

Roger nunca foi bom em guardar segredos. Ele sempre acaba deixando escapar.

E aí, gente? Have you ever let the cat out of the bag? Todo mundo já deu uma vacilada e contou algo que não devia a alguém que não podia saber, não é mesmo?

See you!

Alexandra.

Veja também:

Sabe o que é: SELL LIKE HOT CAKES?

Gíria: TO NITPICK / NITPICKER

 

Anúncios

Dica de Inglês

Como se diz “jogar conversa fora” em inglês?

 

Hoje em dia, as formas de se “jogar conversa fora” estão mais variadas. Pessoas conversam a todo instante trocando mensagens de texto, usando o MSN, Facebook, Twitter, e diversas outras redes sociais. Mas ainda há aqueles  (como nosso amigo na figura acima) que preferem um bom bate papo daqueles bem informais ao vivo e em cores. Você é um desses?

Em inglês, para se dizer “jogar conversa fora” usamos a expressão shoot the breeze. Outra expressão informal que tem o mesmo significado é chew the fat. Interessante como há várias formas de se dizer a mesma coisa, não é mesmo? Dê uma olhada no exemplo:

“Do you like to shoot the breeze?”

“Yep! I really enjoy spending my Saturday evenings drinking beer and chewing the fat.”

“Você gosta de jogar conversa fora?”

“Sim! Eu adoro passar as noites de sábado bebendo cerveja e jogando conversa fora.”

Gostou? Deixe-nos um comentário e diga se há expressões que você gostaria de saber e ver por aqui, OK? Até a próxima dica! 😉

Veja também o Idiom: TAKE A RAIN CHECK

Veja também o Idiom: NAME THE DAY

Dica de Inglês

Expressão idiomática: TAKE A RAIN CHECK – Teacher, o que significa isso?

Como mencionamos em nosso primeiro post da página Dicas de Inglês, expressões idiomáticas são extremamente utilizadas na língua inglesa. A expressão que apresentaremos nesse post refere-se aos chamados “Idioms” metafóricos que fazem referência à cultura americana. Nesse caso, torna-se mais complicado estabelecer uma equivalência com o português, e os significados não são tão facilmente traduzíveis.                      

O bastante usual take a rain check teve origem no beisebol, esporte bastante popular nos EUA. Lá, quando chove e há uma partida, a mesma é adiada e os torcedores recebem o chamado rain check, em outras palavras, uma espécie de vale que lhes permite assistir ao jogo em outra ocasião. Daí o melhor significado para take a rain check ser “adiar”; “deixar para a próxima”.

Como no exemplo abaixo:

“How about going to the movies on Saturday?”

“I’m sorry. I’m busy on Saturday. Can I take a rain check?”

 

“Que tal irmos ao cinema no sábado?”

“Desculpe. Estou atarefado no sábado. Podemos deixar para uma próxima?”

[FONTE da figura: Bailey, Joe & Igreja, José R. A. American Idioms!: um guia prático e atual de expressões idiomáticas americanas, com os significados e usos. São Paulo: Disal, 2006. pág. 128.]

Veja também os IDIOMS: NAME THE DAY e KICK THE BUCKET

Dica de Inglês – Expressões Idiomáticas (IDIOMS)

Nosso Post começa com uma pergunta para vocês leitores:

Quem já passou pela situação abaixo (ou por uma bem semelhante)?

Um aluno, durante a aula de inglês, vai até o professor e pergunta: “Teacher, o que significa ‘NAME THE DAY’? O professor pergunta sobre o contexto, pois lhe parece ser uma expressão idiomática. O aluno diz que tais palavras “fazem parte de uma música” que ele não lembra o nome, apenas o cantor. O professor então diz que vai checar a “expressão” no dicionário para ter certeza do significado e que lhe responderá na aula seguinte. O aluno agradece, mas ao retornar ao seu lugar comenta com um colega “Ele não sabe!”.

Você (aluno) já passou por isso? E você professor? 

Acreditamos que todos que participam ou participaram de um ambiente de ensino/aprendizagem de línguas já passaram, em algum momento, por uma situação semelhante à essa. “NAME THE DAY” é uma expressão idiomática ou como chamada em inglês, um IDIOM ou IDIOMATIC EXPRESSION. Seu significado é: marcar a data do casamento. Veja o exemplo:

Have you already named the day?

(Vocês já marcaram a data do casamento?)

Muito provavelmente, ao responder ao aluno sobre a expressão na aula seguinte, o professor ouvirá algo do tipo: “Mas casamento não é wedding?” ou “Mas day significa ‘dia’, não é?” Esse é o problema com as expressões idiomáticas. Não se pode traduzi-las ao pé da letra, pois não farão sentido algum.

Idioms ou Idiomatic Expressions (Expressões Idiomáticas) são aquelas expressões que ao serem traduzidas literalmente (palavra por palavra) não fazem sentido. É preciso conhecê-las para saber qual(ais) expressão(ões) em português terá(ão) um sentido semelhante ao sentido em inglês. Outro exemplo é a expressão KICK THE BUCKET. Ao traduzi-la ao pé da letra, tem-se “chutar o balde”; porém, KICK THE BUCKET significa “bater as botas” (ou seja, morrer).

 Veja no exemplo:

His sister kicked the bucket last month.

(A irmã dele bateu as botas no mês passado.)

Bom, o intuito desse Post é mostrar que as expressões idiomáticas são extremamente importantes para aqueles que estão aprendendo inglês como LE e importam-se em falar fluentemente, pois elas são amplamente utilizadas pelos nativos da língua. Cabe dizer também, que as chances de você aprender todos os IDIOMS existentes em inglês são muito pequenas. Daí a necessidade de estar sempre lendo e estudando sobre tais expressões. Viram o porquê de termos essa página de Dicas de Inglês em nosso Blog? Esperamos que vocês tenham gostado da dica! 😉

Alexandra & Strawberrybells.

* Para você que é aluno, fica a dica: seu professor não é um dicionário ambulante! Ele/Ela, com certeza, não conhecerá todas as palavras e/ou expressões que você levará para a sala de aula. Assim como você também não conhece todas as palavras de sua própria língua – o português, certo? Então, “be nice!”